6 medidas para ter um condomínio seguro

25 de Janeiro, 2024

Regulamento do condomínio

A par dos hábitos individuais, há atitudes que devem ser tomadas pelo conjunto de moradores do prédio. Quando se vive num condomínio, convém adotar e aprovar, pela assembleia de condóminos, medidas para se ter um condomínio seguro.

6 medidas para viver num condomínio seguro

1.

Vamos assumir um compromisso?

Como? Estabelecendo um protocolo e regras de segurança, a respeitar por todos os moradores.

2.

Atenção à porta  do prédio.

Importa garantir que a porta de rua se fecha com facilidade e, se possível, investir numa porta de segurança.

3.

A iluminação faz toda a diferença.

Que não falte nas áreas comuns, como halls, escadas e corredores. Idealmente, optar por sistemas de luzes automáticas.

4.

Não esquecer as janelas comuns.

Permitem, por exemplo, haver luz natural em escadas e garagens. Sendo pontos sensíveis, devem ter segurança reforçada.

5.

Quem faz os serviços técnicos?

Entregá-los a profissionais identificados e credenciados – e, durante a sua realização, proteger as entradas.

6.

Ponderar a segurança eletrónica

Havendo possibilidade, investir em sistemas de segurança eletrónica, tais como a videovigilância.

Há regras para a videovigilância?

Apesar de não ser uma solução barata, a videovigilância torna o prédio mais seguro. Mas todos têm de concordar com ela.

Com efeito, a instalação de videovigilância só pode ser realizada com a concordância de todos os residentes do prédio, sejam eles condóminos ou inquilinos.

Isto porque as imagens captadas são consideradas dados pessoais.

As câmaras devem cobrir só as partes comuns do condomínio, como entrada e escadas do prédio. E as imagens gravadas devem ser destruídas 30 dias após a sua captação.

E atenção: apenas as entidades registadas na Direção Nacional da Polícia de Segurança Pública (DNPSP) podem instalar e prestar assistência técnica aos sistemas de segurança eletrónica.

A estas medidas gerais para se ter um condomínio seguro, junte hábitos pessoais de proteção 

As atitudes de cada morador são fundamentais para se viver num condomínio seguro. Veja 12 medidas de segurança que afastam os “amigos do alheio”. Adote-as, para proteção da sua casa e do seu prédio.

Outros artigos

Dívidas ao condomínio: como resolver

Dívidas ao condomínio: como resolver

Em tempo de crise, algumas famílias acumulam quotas de condomínio em atraso. Quando isto acontece, ou é previsível, convém procurar soluções junto da administração do condomínio.